Cacau e saúde cardiovascular: um amigo do coração

Hoje trago boas notícias! O cacau e saúde cardiovascular andam lado a lado. Mas é claro que isso não quer dizer que você pode sair comendo chocolate à vontade.

Aliás, todas as coisas boas que você ouviu sobre chocolate amargo estão certas. Ele tem o poder de proteger nosso coração e fornecer minerais valiosos de que precisamos para uma boa saúde geral. 

O nível de antioxidantes no chocolate amargo é mais alto do que em alguns dos chamados superalimentos. E é sobre esses benefícios para o coração que falo no artigo a seguir. Confira!

Vá devagar

Se você já ficou empolgado achando que poderá comer chocolate à vontade, vá devagar! 

Nem tudo são boas notícias; mesmo o chocolate amargo não deve ser consumido em grandes quantidades, apesar de seus benefícios para a saúde. O ditado “tudo com moderação” soa verdadeiro quando se trata de chocolate amargo.  

O chocolate é feito de grãos da árvore do cacau. Após a colheita da árvore, as sementes são retiradas, fermentadas, secas e torradas. 

Os grãos então são moídos até formar uma massa ou licor de cacau que pode ser prensado para fazer manteiga de cacau ou o cacau em pó.

Também conhecido como chocolate puro, a porcentagem de sólidos do cacau classifica o chocolate amargo. Ou seja, para ser comercializado como chocolate amargo, ele precisa conter um teor mínimo de 70% de cacau.   

Quais os benefícios do chocolate amargo?

Não é nenhuma surpresa que o chocolate amargo tenha benefícios para a saúde.  

Agora temos pesquisas para respaldar os pensamentos de nossos ancestrais. E entre os benefícios, estão:

Saúde do coração

Flavanóis e magnésio no chocolate amargo mantêm os vasos sanguíneos abertos e regulam a frequência cardíaca. Isso melhora o sistema cardiovascular. 

Um estudo revelou que comer chocolate amargo duas ou mais vezes por semana reduziu o risco de placas calcificadas nas artérias em 32%.  

Diabetes

Ao contrário de outras formas de chocolate, a variedade escura reduz os níveis de açúcar no sangue. O cacau torna o corpo mais sensível à insulina, o que reduz o risco de diabetes tipo 2.   

Função cerebral

O chocolate amargo aumenta o fluxo sanguíneo para o cérebro e diminui a inflamação. Além disso, os minerais do chocolate também reduziram a chance de doença de Alzheimer e demência.

Reduz a pressão arterial

Não é apenas o coração que se beneficia dos flavonóides e do magnésio do chocolate escuro. Também reduz a pressão arterial. 

Por exemplo, a pressão arterial mais baixa diminui o risco de acidente vascular cerebral, doenças cardiovasculares e demência.

Níveis de colesterol

O cacau em pó reduz o colesterol LDL oxidado (mau) nos homens. Também pode aumentar o colesterol HDL (bom).  

Flavonóides

O chocolate amargo é uma das maiores fontes de flavonóides que beneficiam o sistema cardiovascular. Ou seja, em um pequeno estudo sobre o consumo de chocolate amargo, os resultados mostraram redução da inflamação nas mulheres, melhora do perfil lipídico e diminuição da reatividade plaquetária.     

Leia também::: Qual é a relação entre pressão alta e colesterol?

Cacau e saúde cardiovascular

Como foi possível ver, o consumo do chocolate amargo, que é mais rico em cacau, traz inúmeros benefícios à saúde cardiovascular. Mas nunca é demais repetir: vá com cautela!

Portanto, a dica é consumir em torno de 10g por dia de um BOM chocolate pelo menos 70-80% de cacau. Isso, além de tirar a sua fissura por doce, ainda protege seu coração.

Por exemplo, eu mesmo como chocolate amargo todos os dias, e também oriento meus pacientes sobre os benefícios do cacau e saúde cardiovascular. Espero que tenha gostado do artigo, e já me siga nas redes sociais para mais dicas e informações! Estou no Facebook, Instagram e Youtube.