You are currently viewing Ter um coração saudável fortalece seu cérebro

Você já sabe que cuidar do coração permite uma melhor saúde cardiovascular. Mas agora parece que também pode estar fazendo um favor ao seu cérebro para o futuro.

Além disso, estudos recentes encontraram evidências de que a saúde do coração está ligada à saúde do cérebro. E quanto mais cedo você começar a cuidar do seu coração, melhores serão os benefícios para o seu cérebro a longo prazo. 

Mas qual é a conexão entre essas duas partes do corpo e como você pode garantir seu funcionamento ideal ao longo da vida? É o que apresento no artigo abaixo!

O que dizem os estudos

Pesquisadores da Queen Mary University of London e da University of Oxford, na Inglaterra, descobriram que, independentemente de vários estilos de vida e fatores demográficos, as características de um coração saudável afetam o funcionamento do cérebro.

A saber, os participantes com estruturas cardíacas mais saudáveis ​​tiveram melhor desempenho na resolução de problemas e tempos de reação mais rápidos.

Os resultados mostram que as pessoas que se saem melhor nesses testes têm uma estrutura cardíaca mais saudável e também uma função cardíaca mais saudável.

Além disso, pessoas com estrutura e função cardíaca mais saudáveis ​​podem ter menos probabilidade de desenvolver demência apenas em virtude da anatomia do coração e da maneira como ele fornece sangue rico em oxigênio para o cérebro.

Leia também::: O risco dos refinados na alimentação para a saúde cardiovascular

Coração saudável é igual a um cérebro saudável

Outro estudo, publicado na revista Neurology, mostrou que cuidar do coração aos 20 anos pode levar a uma melhor saúde do cérebro na meia-idade.

Para testar essa teoria, 518 pessoas foram monitoradas por 30 anos. Por exemplo, as medições da saúde do coração foram feitas no início do estudo, quando eles estavam na casa dos 20 anos, com testes de acompanhamento a cada 2 a 5 anos e uma varredura do cérebro após 25 anos.

Os pesquisadores descobriram que quanto maior o volume do cérebro de um participante, melhor será a saúde do coração. Aqueles que tinham um grande volume cerebral em relação ao tamanho de sua cabeça quando o estudo começou, mantiveram um volume maior posteriormente. 

Além disso, o encolhimento do cérebro foi associado a escores de função cognitiva mais baixos e um aumento do risco de acidente vascular cerebral entre os participantes de meia-idade.

Mas se você passou dos 20 anos, isso não significa que não há nada que você possa fazer para melhorar a saúde do seu coração e cérebro. Ao contrário, nunca é tarde para iniciar os cuidados.

Coração e Alzheimer

Por fim, pesquisa de 2017 descobriu que pessoas de meia-idade que corriam o risco de ter um derrame ou infarto eram mais propensas a desenvolver as alterações cerebrais que causam a doença de Alzheimer.

Para isso, os pesquisadores analisaram um grupo de 346 pessoas na casa dos 50 anos sem qualquer tipo de demência, avaliado para problemas cardiovasculares. 

Ou seja, depois de quase 25 anos, esses mesmos participantes fizeram uma varredura do cérebro e os resultados foram significativos: 61% dos participantes que tinham pelo menos 2 riscos cardiovasculares na meia-idade desenvolveram fragmentos de proteína amiloide, que estão ligados à doença de Alzheimer.

Embora essas mudanças cerebrais não levem necessariamente à doença de Alzheimer, este estudo sugere que nunca é tarde demais para cuidar do seu coração se você quiser mudar o futuro da saúde do seu cérebro.

Leia também::: O que é insuficiência cardíaca congestiva?

Não brinque com seu coração, e cérebro!

Depois de ler sobre os resultados dessas pesquisas, você provavelmente está se perguntando como pode melhorar a saúde do seu coração e do seu cérebro.

É simples, na verdade! O segredo é procurar manter um estilo de vida saudável, com as seguintes indicações:

  • Tenha uma dieta saudável e equilibrada
  • Mantenha o peso certo para você 
  • Fique longe do tabaco e do fumo passivo
  • Controle a qualidade do seu colesterol e a sua pressão arterial
  • Beba álcool com muita moderação
  • Controle o estresse

Dessa forma você garante um coração mais forte e um cérebro saudável com o passar dos anos! Espero que tenha gostado do artigo e, para mais dicas e muita informação, siga também meu canal do Youtube!