You are currently viewing Saúde mental e cardiovascular estão interligadas

Você deve saber que as doenças cardíacas são a principal causa de morte no Brasil. Mas você sabia que sua saúde mental pode afetar seu coração, e o coração pode afetar a saúde mental?

No Brasil, as doenças cardiovasculares representam 27,65% do total de óbitos. Isso dá algo em torno de 400 mil mortes por ano. Um absurdo!

E há uma profunda ligação entre a saúde mental e cardiovascular. Ou seja, o estresse a ansiedade, cada vez mais presentes na população, causam também infarto e AVC, que são doenças cardiovasculares.

Para explicar um pouco melhor sobre como a saúde mental e a cardiovascular estão interligadas, preparei o artigo abaixo. Vamos conferir?

Condições mentais que afetam nosso coração

Acredita-se que a ansiedade e a depressão estejam relacionadas às doenças cardíacas, tanto como causa quanto como efeito. 

Ansiedade é uma palavra que usamos para descrever como nos sentimos quando estamos preocupados ou estressados. 

Mas é mais do que isso: a preocupação ou o estresse vêm e vão, já a ansiedade é um sentimento que permanece depois que os estressores foram removidos. 

Todos se sentem ansiosos de vez em quando, mas para alguém que está passando por ansiedade, esses sentimentos podem ser difíceis de controlar. 

Às vezes, a ansiedade pode ter uma única causa, mas geralmente não há uma causa específica.

A depressão, por sua vez, é um sentimento constante de tristeza e perda, que o impede de realizar suas atividades normais. 

Todos nós podemos nos sentir tristes ou mal-humorados ocasionalmente, mas algumas pessoas experimentam esses sentimentos intensamente, por longos períodos de tempo e às vezes sem qualquer causa aparente.

A depressão afeta como você se sente sobre si mesmo e torna a vida mais difícil de administrar. 

Você pode perder o interesse pelo seu trabalho, hobbies ou por fazer coisas de que normalmente gostaria. 

Você pode ter falta de energia, ter problemas para dormir, dormir mais do que o normal, sentir-se irritado ou ter dificuldade para se concentrar.

Leia também::: Saúde cardiovascular e intestinal estão conectadas, aponta estudo

Interligação com as doenças cardiovasculares

Então, quais são as ligações entre a saúde cardíaca e a saúde mental? 

Em um estudo em grande escala, em vários países, analisando doenças cardiovasculares e sintomas depressivos, os pesquisadores descobriram uma forte ligação entre os dois. 

Aqueles com depressão eram muito mais propensos a ter eventos cardiovasculares e mortalidade precoce em comparação com aqueles que tinham problemas cardíacos, mas sem sintomas depressivos.

Quanto mais sintomas de depressão os participantes tinham, maior era o risco de vários tipos de problemas cardiovasculares, independentemente da geografia.

Existem algumas teorias sobre por que essa conexão pode existir. Elas variam, desde mudanças nos níveis de inflamação até a possibilidade de que aqueles com depressão podem não praticar tantas estratégias de autocuidado saudáveis ​​para o coração, como alimentação saudável, manter os níveis de estresse baixos, praticar exercícios e manter conexões sociais.

Sistema nervoso

Além disso, quando a pessoa tem um alto nível de estresse ou ansiedade, ele afeta o sistema nervoso simpático, que é nosso sistema de fuga, luta e alerta.

Ele é responsável em nos deixar atentos, preparados. Quando isso ocorre, nosso coração fica mais acelerado e temos uma pressão arterial mais alta. 

Essa ansiedade ou depressão contínua também afeta nosso sistema endotelial, presente no interior dos vasos sanguíneos. 

Ou seja, isso pode causar uma inflamação sistêmica crônica no nosso sistema vascular, que somada a outros problemas, pode desencadear uma aterosclerose, que seria o início de uma doença cardiovascular.

Cuide da sua saúde mental

Como você viu, há uma ligação entre saúde mental e cardiovascular. Dessa forma, cuidar da sua mente é também cuidar do seu coração.

Por isso, pratique o auto-cuidado com sua saúde mental. Faça ioga, medicação, procure por atividades relaxantes e caso perceba que possa estar com depressão ou ansiedade, busque ajuda médica.

Ou seja, as doenças que afetam a saúde mental são bastante sérias e causam um efeito devastador na qualidade de vida dos pacientes. 

Mas o primeiro passo para o tratamento é reconhecer que precisa de ajuda, e com a abordagem médica correta, você poderá superar essa doença.

Portanto, cuide também da sua saúde mental, ela não é brincadeira! Espero que tenha gostado do artigo sobre saúde mental e cardiovascular. E para mais informações, confira o vídeo sobre o tema logo abaixo!